A Índia é um dos países mais exóticos do Oriente, possuindo uma cultura milenar inspira muita curiosidade no viajante ocidental. É também nesse país que está localizada uma das 7 maravilhas do mundo: o famoso Taj Mahal!

A Índia é também conhecida por ser a nação mais populosa do mundo. Suas cidades são populosas e coloridas. Seu povo é extremamente religioso e espiritualizado, sendo os indianos os criadores das religiões dármicas.

Com o intuito de falar mais sobre esse assunto, explicamos como você pode planejar sua viagem à Índia, sem esquecer de organizar um orçamento adequado. Então, não deixe de ler esse artigo antes de fazer seu roteiro!

Indo para a Índia

Uma viagem para um país europeu ou latino-americano pode ser bastante encantadora, embora não cause maiores impactos e choques culturais. Mas esse não é o caso de uma viagem à Índia.

De fato, são muitos os costumes e tradições que podem deixar o turista mais desavisado espantado, no melhor sentido do termo.

Isso porque a cultura indiana é fascinante e extremamente espiritualizada. Todos os aspectos culturais desse país são pontos a serem explorados pelo viajante, desde às roupas e à culinária, passando pela música, arquitetura e religiões praticadas.

Mesmo com todos esses atrativos, muitas pessoas ainda ficam com certo receio de realizar uma viagem à Índia.

No entanto, devemos dizer que esse medo é infundado ou, melhor dizendo, é fundado em informações que já não podem ser aplicadas à Índia atual. Falaremos sobre isso mais à frente.

Agora, vamos a um ponto que também gera muitas dúvidas: afinal, como planejar uma viagem para a Índia? Veja no tópico a seguir!

Planejando a viagem para a Índia

Como chegar

Atualmente, são várias as opções de voo para a Índia. No entanto, a maioria dos voos tem como destino as cidades de Nova Deli e Mumbai.

É comum também que esses voos façam escalas em cidades europeias. Para aproveitar esse entretempo, planeje um stopover e conheça outros locais!

Visto

Sim, você precisará de um visto para entrar na Índia, mas isso não é um problema. Isso porque você pode fazer todo o procedimento de solicitação desse documento pela internet, por meio do e-visa.

Moeda

A moeda indiana é a rúpia. No entanto, recomendamos que você viagem com dólares, haja vista que a moeda americana pode ser facilmente trocada em vários lugares do país.

Roteiro

A Índia é um país imenso e cheio de atrativos. No entanto, existem muitos roteiros prontos que podem ser usados com muito proveito. 

Por exemplo, você pode focar nas atrações do Triângulo Dourado, composto pelas cidades de Nova Deli, Jaipur e Agra. É nessas cidades que se concentram os pontos turísticos mais famosos da Índia, como o Taj Mahal e o Forte Amber.

Orçamento financeiro para ir para a Índia

Mas, afinal, quanto se gasta em uma viagem para a Índia? Bem, a resposta para essa pergunta vai depender do tempo da viagem, do número de deslocamentos e do valor gasto com hospedagens e passagens aéreas.

No entanto, vamos supor que você queira viajar com o mínimo possível para ter uma viagem agradável e proveitosa.

Tendo isso em mente, recomendamos que as reservas sejam feitas em hotéis de 2 ou 3 estrelas. Neles, você poderá conseguir diárias com preços que podem variar entre R$ 40 e R$ 80.

No que diz respeito à alimentação, é possível fazer refeições com preços bastantes módicos. Para que se tenha uma ideia, uma boa refeição em um restaurante pode custar cerca de 200 rúpias, o que equivale a mais ou menos R$ 10.

Isso significa dizer que você pode gastar em torno de R$ 40 diários com alimentação, podendo esse valor ser ainda menor!

É bom também reservar um dinheiro para as atrações. No entanto, os valores de visitas a templos e outros locais turísticos costuma ter preços bastante acessíveis ao bolso dos brasileiros.

Para que se tenha uma noção, a atração mais cara é o Taj Mahal, custando uma bagatela equivalente a R$ 50!

Índia: o novo destino

Lembra que ficamos de falar sobre o receio que muitas pessoas têm de visitar à Índia? Pois bem! Reiteramos que esse medo se baseia em informações pouco precisas ou desatualizadas.

Mas, afinal, por que esse sentimento ainda persiste? Isso se deve ao fato de que a Índia do passado era, de fato, um lugar um tanto hostil para turistas.

De fato, os relatos dos viajantes falam de cidades sujas, muita pobreza e taxistas aproveitadores.

No entanto, essa realidade vem passando por mudanças drásticas, em especial na última década. 

“Hoje, a Índia é uma economia em franca ascensão e os governos têm investido muito em turismo e infraestrutura.”

A internet e os serviços de apps de transporte também facilitam muito a vida do turista. Portanto, não há motivos para recear uma viagem à Índia!

Índia: descobrindo uma cultura milenar

Como você mesmo pôde perceber, uma viagem a esse país pode mesmo ser bastante surpreendente, além de muito barata, se comparada a viagens feitas para outros destinos.

De fato, uma visita à Índia é acessível ao bolso do brasileiro. Além do que, trata-se de uma oportunidade única de se deparar com uma cultura radicalmente diferente da nossa. Enfim, essa é uma oportunidade de aprender com as diferenças!

E você, está planejando sua viagem à Índia? Nossas dicas o ajudaram nessa tarefa? Comente!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *